BlogBlogs.Com.Br

10.4.07

Morte, Drogas e Microsoft

Vc sabia que a Microsoft morreu? Não? Então corre pra ler o arrazoado de Paul Graham a respeito! É bem verdade que o Dan Dodge diante da novidade esta perguntando em que caverna Graham esta morando ou que drogas ele anda tomando. Os pontos da argumentação de Graham não podiam ser + bombásticos: Google é o terror; Ajax é o ó do borogodó da programação; a banda larga acabou com o desktop PC e Apple über alles é o q se vê por aí. Eu tava achando Dodge exagerado, mas depois deste arrazoado acho ele tímido. É bem verdade que o cartoon do Hugh foi cruel. Mas a pergunta de Dodge foi ainda mais cruel: desde quando ganhar 4 bi por ano = estar morto? Uaaaaaauuuuu, até eu queria estar morto, ganhando essa grana. De qualquer maneira Rick Segal pondera no Post Money Value pro exagero da afirmação e lembra que a M$ esta diversificando seu mercado com XBox. Dave Winer nos lembra no Scripting News que já ha um bocado de tempo a M$ vem se tornando + e + irrelevante: Afinal, eles tentaram enterrar a Web pra proteger o Office. O problema é que a Web desviou deles. Bryan Alexander termina por nos lembrar no Infocult que esta foi apenas uma das maneiras de escrever muuuuuito mal sobre cibercultura, falando empolgadamente da morte dos que estão passando muito bem. Vou ficando por aqui porque ta de bom tamanho. :-)

Um comentário:

opiumseed disse...

Já deu uma olhada no WPF? A grande cartada da microsoft para enterrar todas as linguagens de programação para internet e, de quebra, todos os aplicativos de rich media como o flash e até mesmo o pdf.

Se esse padrão de desenvolvimento pegar vai ser a rasteira final no W3C e nos padrões Web.