BlogBlogs.Com.Br

21.10.07

+ infos da matéria do WSJ sobre o Orkut

Segundo publicação no Mashable o Google teria de pagar $100.000 dólares dia de multa e teria tirado toda a publicidade do site. A impressão que me dá lendo essas informações é a de que elas seriam bastante antigas. Fui conferir na matéria do WSJ, Google Under Fire.

Thiago Tavares Nunes de Oliveira é presidente da ong SaferNet - uma organização não-governamental de defesa e promoção dos Direitos Humanos na Internet - e professor da Universidade Católica Salvador, BA. Ganhou uma bolsa para investigar pornografia na Internet. Primeiro ele montou um dossiê em um cd com 200 imagens de pornografia no Orkut e foi fazer pressão para cima dos anunciantes como modo de sensibilizar o Google / Orkut para sua demanda. O Orkut jamais conseguiu achar as páginas por ele colhidas. Depois disto montou um novo dossiê onde mostra a publicidade de produtos junto de crianças nuas e animais sendo abusados e fez nova pressão. Mas está longe de ser o carola religioso radical retratado na matéria do WSJ e sua pressão procura sempre entrar em acordo com a própria empresa. A SaferNet é contrária ao projeto de controle e censura da Internet pelo governo proposto pelo Senador Tucano Azeredo.

Já o procurador Paulista é o Sérgio Gardenghi Suiama, que já entrou em acordo com o Google e o Orkut no ano passado.

Todos os dados apresentados pelo WSJ revelam-se muito defasados - como a propalada multa de cem mil reais - e são do ano de 2006, embora a matéria os apresente como atuais.

O mais curioso é o WSJ tentar de modo escancarado prejudicar a performance do Google / Orkut que ocupa o quinto lugar no ranking das páginas + vistas e obteve um grande crescimento de receita publicitária.

2 comentários:

Veronica Damasceno disse...

Olá Henrique,

Muito boa a articulação de seu texto. Excelentes observações!

Bjs,
Veronica

raquel disse...

Também não entendo. A mesma coisa tem acontecido com o Facebook por aqui nos EUA.